Lançamento: Nos Confins do Confinamento

  • Post author:
  • Post category:Blog
nos confins do confinamento.

Escritores produzem livro de literatura de confinamento repleto de poesia e de arte sobre o confinamento durante a pandemia do vírus covid-19.

Nos Confins do Confinamento – A Poética dos Passos e das Horas é um livro costurado com duas tramas diferentes. Nelas, a Poética materializa-se como traço e como letra, como tinta e como verso para retratar o percurso do Ser isolado em si mesmo. Nesta obra, Leonardo Vichi e Pedro Paulo Machado produzem um intrincado tecido semiótico onde expressam seus próprios dramas vividos durante a Quarentena Global da pandemia provocada pelo vírus COVID-19 no ano de 2020. As incertezas, o assombro, a dor, o luto e a solidão são evocados por meio de símbolos e ideações que produzem o contraponto poético que marca este exemplo de Literatura de Confinamento.

Leonardo, partindo do ponto zero, o leit motiv do ciclo As Horas, o poema gráfico Nos confins das horas, recorre a doze pinturas realizadas em Aguada de Nanquim. O tecido imagético deste percurso visual reproduz, por meio da dureza monocromática destas pinturas, a paisagem interior do sujeito representada através de instantâneos, reminiscências, sonhos e delírios, personagens que povoam o mundo do artista confinado. Pedro Paulo, junta-se ao tema no mesmo tom, com Permanência, poema que abre Os Passos, ciclo composto por doze poesias que dialogam entre si, traçando a trajetória do Ser ao vislumbrar as paisagens exteriores contidas dentro do artista confinado. Paisagens estas que se formam , se alteram e se transformam criando matizes e harmônicos que conduzem o leitor ao pesado silêncio da solidão.

OS PASSOS
A música das palavras faz que se ouçam os passos de uma insólita jornada dentro de si mesmo. No isolamento exterior, se inicia uma longa caminhada interior em que cada um dos seus doze passos se converte em poemas que trazem o crescente e irremediável desnudamento do Eu. Esse desnudamento radical se dá quanto às roupas e máscaras que o Eu, durante toda a sua existência, aprendeu a confundir consigo mesmo. O desmascaramento, a desilusão e a escuridão já não são valores negativos, mas verdadeiros e necessários passos na descoberta da liberdade de ser e não ser.

AS HORAS
O percurso das horas pontuam os instantâneos da mente aprisionada pela aterradora visão de si mesmo. Os momentos em que o indivíduo se vê isolado em seu próprio mundo são retratados na sequência de doze imagens que trazem o confronto com a realidade desnudada de todo romantismo, que se apresenta como ruína, como perda e como angústia. O inevitável duelo do Ser com o Eu, sem máscaras, sem ilusões e encarcerado na paisagem mental que criou para si é o clamor para que este se permita lançar-se às densas trevas dos caminhos de seus próprios pensamentos.

Especificações:
Título: Nos Confins do Confinamento
Autores: Leonardo Vichi e Pedro Paulo Machado
Páginas: 36p
Gênero: Artes Visuais e Poesia
Formato:  21×15 cm
Edição: 1ª edição
Ano: 2020
Idioma: Português – Brasil
ISBN: 978-65-87497-00-6

Próximo postRead more articles

Este post tem um comentário

  1. Avatar
    Quesia Regina da Silva

    Olá amigos escritores/autores, com muita satisfação que deixo aqui a minha gratidão por cada verso do ebook “Nos confins do confinamento”, permitindo um mergulho interior de pensamentos incansáveis que todos estamos vivenciando nestes últimos dias.
    Pensamentos que não somos atrevidos a dizer mais existe,rsrs.
    Me apaguei,na frase ” Me ajude, a não ser sepultado em mim”.
    Enfim,essa crise viral nos forçou a viver uma solicitude forçada, porém necessário.
    Obrigado por cada pérola dívida conosco.
    Ansiosa pelas próximas, acreditando sempre que dias melhores estão por vir.

Comentários encerrados.